Wednesday, February 8, 2012

Third translation of the Rules- in Portuguese!

Special thanks to Daniel Rocha, my young friend who obviously is very motivated\
to solve even the most intractable problems of the New Energy field.


MINHAS REGRAS PARA RESOLVER PROBLEMAS
por Peter Gluck

Mandamento:
"Eu penso, eu existo. Eu decido viver. Eu resolvo problems, eu vivo com um propósito
."

1. NÃO há problemas isolados, eles vêm sempre em conjuntos dinâmicos.

2. NÃO há soluções finais  para os problemas que são realmente grandes, estes devem ser resolvidos várias e várias vezes.

3. NÃO resolver o problema, mas defini-lo é o passo crítico.

4. NÃO é o dado desconhecido, mas aqueles que são conhecidos e inverdadeiros que são obstáculos para a solução.

5. NÃO é o que sabemos, mas é o que nãosabemos, o mais importante para resolver o problema.

6. NÃO é o principal efeito desejado, mas aqueles secundários e/ou efeitos indesejados que decidem na maior parte dos casos se uma solução é implementada. 

7. NÃO são todos os problemas que tem uma solução complete e genuína.

8 NÃO são as melhores soluções que parecem perfeitas de início, mas, na maior parte dos casos, são  aquelas capazes de ser muito aprimoradas. 

9. NÃO são as soluções brilhantes, inovadoras, espetaculares que são as mais valiosas e tem grande alcance de aplicação, mas sim, são aquelas trabalhadas com dificuldade e esforço e paciência.

10. NÃO são as soluções que são lógicas e perfeitamente racionais, mas aquelas que são adequadas para os sentimentos dos potenciais beneficiais, mesmo que sejam ilógicas, que tem as maiores chances de implementação rápida.


11.NÃO é a qualidade da solução mas a velocidade de sua implementação o fator decisivo em muitos casos. É melhor ter uma solução parcial aplicada rápida que uma que uma perfeita, mas que é mais lenta.

12. NÃO é sempre que longas horas de trabalhao árduo e grandes esforços a melhor maneira de obtecer resultados para problemas (terrivelmente) difíceis, mas (as vezes) um pouco de descanço e diversão.

13. NÃO são nossos problemas, mas os problemas dos outros que nós podemos resolver mais coragem e criatividade.
.
14 NÃO são as soluções inventadas por nós, mas aquelas emprestadas, compradas ou roubadas dos outros que são mais facilmente aceitas e implementadas.

15 NÃO é o fortalecimento dos pontos fortes humanos, mas a limitação de seus pontos fracas, que é mais útil para uma maneira mais eficiente de resolver problemas.

16- NÃO é o planejamento perfeito e cuidadoso que são a chaves práticas para o problema de resolver problemas com sucesso, mas sim, assumir riscos com inteligência e a tomada de decisões firmes.

17. NÃO são sempre os problemas existentes, reais, mas muitas vezes os fictícios, imaginários, os mais difíceis de serem resolvidos

18. NÃO aceite nunca as premissas de um problema, mudeas conforme for possível e necessário.

19. NÃO pare nunca na primeira solução, procure por alternativas.

No entanto, para os solucionadores de problemas avançados, há uma SUPER-REGRA, a mais importante de todas.

20. NÃO é a aplicação com sabedoria destes regras, mas a descoberta de suas exceções específicas, a verdadeira arte de resolver problemas.

No comments:

Post a Comment

Post a Comment